As 4 Melhores Opções de Adoçante Natural

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 LinkedIn 0 0 Flares ×

Nos últimos anos, a busca por adoçante natural e saudável vem crescendo bastante, porque o mercado de produtos naturais vem crescendo, reflexo da maior preocupação da população brasileira com os seus hábitos alimentares.

O açúcar refinado é o mais acessível no mercado, no entanto seu poder calórico contribui para o aumento de peso e desenvolvimento ou agravamento de doenças como diabetes.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda que a ingestão de açúcar não represente mais de 10% da ingestão calórica diária, taxa que o Brasil vem tendo dificuldade de manter. Esse cálculo inclui vários tipos de açúcares.

Em uma dieta de 2 mil calorias, portanto, o ideal seria uma ingestão diária máxima de 50 gramas de açúcar. O problema é que apenas uma latinha de refrigerante contém 37 gramas de açúcar, por exemplo.

Ou seja, para se manter no peso ideal e não contribuir para o desenvolver de doenças é preciso mudar alguns hábitos de consumo. Nota-se claramente que continuar consumindo muitos produtos industrializados e artificiais não é o caminho para se chegar ao modelo de consumo ideal.

Por isso, a solução encontrada por muitos consumidores foi investir em adoçante natural e saudável ou artificial.

Esses adoçantes têm a vantagem de ser menos calóricos e até adoçar mais do que o açúcar, favorecendo a redução da dose diária e proporcionando maior custo benefício.

Contudo, qual a diferença entre esses dois tipos de adoçantes? Qual é o mais recomendado para consumo? E quais são os tipos existentes?

Saiba de todas essas informações a seguir, nos próximos tópicos.

O que é um adoçante natural?

E como um adoçante natural e saudável pode ser definido? Quais são as suas principais características?

O termo “natural” é a chave para compreender a origem desse tipo de adoçante e sua diferença para o artificial.

O que é ou o que pode ser considerado como natural? Tudo que se origine da natureza, um organismo que germina e se desenvolve sem a interferência do ser humano.

É o caso das plantas, raízes, frutas etc.

Logo um adoçante natural e saudável é aquele que é encontrado na natureza, que é extraído de plantas, frutas e raízes. Alguns são derivados de produção animal, como o leite.

O que é um adoçante artificial?

Já o adoçante artificial é aquele que é desenvolvido em laboratórios, após a manipulação de substâncias químicas, são compostos sintetizados artificialmente geralmente denominados como edulcorantes.

Assim como ocorre com adoçante natural e saudável, podem substituir o uso de açúcar refinado para adoçar comidas e bebidas.

No entanto, apesar de servirem para o mesmo propósito, apresentam diferenças que devem ser levadas em conta pelo consumidor ao decidir substituir o uso do açúcar derivado da cana de açúcar.

Quais seriam essas diferenças?

Adoçante natural x artificial

A diferença entre os dois tipos, além da origem de cada um, é que as substâncias do adoçante natural proporcionam menos riscos de provocar reações adversas ao organismo humano, seja em curto, médio ou longo prazo.

Afinal, são substâncias encontradas na natureza e que servem de nutrientes naturais na alimentação dos seres.

Já os adoçantes artificiais, por contar com a adição de propriedades químicas, algumas delas derivadas do petróleo, aumentam a probabilidade de efeitos colaterais nocivos.

Alguns adoçantes artificiais, por exemplo, não são recomendados para pessoas com hipertensão ou gestantes.

Há também indícios, ainda que não totalmente comprovados, de que o uso prolongado de adoçantes artificiais favorece o desenvolvimento de enfermidades como mal de Alzheimer e câncer.

Portanto, a opção mais segura e que rende resultados é o adoçante natural.

Contudo, há vários tipos de adoçante natural e saudável, cada um com características próprias e que requerem alguns cuidados para não causaram mais mal do que bem.

Conheça os principais tipos de adoçante natural e saudável a seguir.

Tipos de adoçante natural

Alguns não apresentam calorias, outros são várias vezes mais doces do que o açúcar refinado e ajudam a controlar os níveis de açúcar no sangue. Mas certamente não oferecem apenas vantagens.

Conheça os principais tipos de adoçante natural e saudável e veja quais melhor se enquadram as suas necessidades.

Adoçante natural Stevia

Recebe esse nome porque é extraído de uma planta nativa da América do Sul chamada Stevia rebaudiana. Esse adoçante chega a ser 200 vezes mais doce do que o açúcar convencional e tem propriedades que ajudam a equilibrar a insulina no organismo.

É rico em vitamina C e vitaminas do complexo B.

É um adoçante natural e saudável considerado seguro para diabéticos, desde que consumido moderadamente.

Não tem calorias, por isso sendo recomendado para integrar dietas para redução de peso.

A sua desvantagem é que pode deixar gosto residual amargo.

Adoçante natural Xilitol

O Xilitol é um adoçante natural e saudável encontrado na madeira e em vegetais. Tem calorias, mas inferiores as do açúcar convencional. Causa uma sensação refrescante na boca, por isso sendo recorrente em produtos bucais.

Seu consumo acima de 30 gramas dia pode ter efeito laxativo.

Adoçante natural Agave

Adoçante natural e saudável extraído de uma planta nativa do México, a mesma da produção de tequila.

Rica em glicose, sacarose e frutose, além de vitaminas A, C e do complexo B.  É usada para substituir o mel tradicional em dietas veganas por ter consistência muito similar a deste último.

Por ter frutose, seu consumo pode aumentar os níveis de triglicerídeos, glicose no sangue e engordar. Seu preço costuma ser mais elevado, por ser um produto importado.

Adoçante natural Eritritol

Eritritol é um adoçante natural e saudável que pertence a uma classe de compostos chamados de alcoóis de açúcar.

É sem calorias. Presente em frutas e outros alimentos, seguro para diabéticos e não provoca cáries.

Contudo, não é recomendado consumir grandes quantidades de eritritol, pois pode provocar problemas digestivos.

Onde encontrar adoçantes naturais?

Com o aumento da procura por produtos naturais por parte do mercado brasileiro, seguindo uma tendência mundial, aumentou-se consideravelmente a oferta de pontos de vendas, casas especializadas em produtos naturais.

É possível encontrar e encomendar vários tipos de produtos alimentícios do gênero até pela internet.

É o caso do site Ingredientes Online. Além de adoçante natural e saudável, no portal encontram-se várias categorias de alimentos naturais, inclusive voltadas para dietas específicas, como a de lowcarb.

Gostou deste conteúdo sobre adoçante natural e saudável? Então curta, compartilhe, avalie. Seu apoio faz a diferença.

Comentários no Facebook

  • Alimentos para ajudar na Imunidade
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 LinkedIn 0 0 Flares ×